Home > Castração Solidária > 1 ª Castração Solidária – Gaspar

Castração Solidária será realizada em outubro em Gaspar

   

Para participar é necessário realizar o cadastro e adquirir o cupom na A Estrela do Vale Agropecuária e Pet Shop ou na AnimallisCare Centro Clínico Veterinário. Em seguida será feito o agendamento da cirurgia.

A expectativa é castrar 90 animais, ou seja, 30 por dia de ação.

Mais informações: https://goo.gl/FFHdNr 🐶 🐱 

Há mais de 10 mil anos o homem domesticou cães e gatos, e desde então, os amigos de quatro patas são inseparáveis. Especialistas afirmam que ter um animal de estimação faz com que a qualidade de vida dentro de casa aumente, assim como melhora a saúde e, claro, gera mais alegria ao lar. Adotar um cão ou gato é mais do que um ato de amor, é ter responsabilidade. Entretanto, um cenário tem assustado nos últimos anos: o abandono.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, somente no Brasil, há mais de 30 milhões de animais vivendo nas ruas. São cerca de 20 milhões de cachorros e 10 milhões de gatos. Para tentar reverter este quadro, a Prefeitura Municipal de Gaspar, por meio da Secretaria de Agricultura e Aquicultura, em parceria com a Associação Gasparense de Amparo e Proteção Animal (Agapa) e Hachi ONG – Proteção Animal, realizará a castração solidária em animais de pessoas de baixa renda no município.

O projeto tem a intenção de diminuir o número de nascimentos de filhotes, que muitas vezes, acabam sendo abandonados e, consequentemente sofrem maus tratos. A contracepção acontecerá nos dias 6, 7 e 8 de outubro na clínica apoiadora do evento, Animallis Care, em parceria com a clínica Saúde Animal de Blumenau. Serão castrados animais sem raça definida com até 20 quilos.

Os tutores deverão cadastrar o animal através de cupons de castração numerados e assinados que estarão disponíveis para aquisição no petshop A Estrela do Vale e na Clínica Animallis Care, em Gaspar. Assim, será agendada a data da cirurgia, além das informações sobre os cuidados com o pré-operatório.

Paralelamente a castração, a Secretaria de Agricultura e Aquicultura, doará um microchip que será implantado no animal castrado. “Desta forma será possível fazer o rastreamento do cão ou do gato. Se o animalzinho fugir de casa, se perder, esta é uma maneira eficaz e segura de encontrá-lo. A tecnologia tem um código exclusivo que transmite informações específicas de cada bicho,” ressalta o secretário, André Waltrick.

O projeto tem a aprovação do Conselho Regional de Medicina Veterinária de Santa Catarina. A expectativa é castrar 90 animais, ou seja, 30 por dia de ação. Qualquer dúvida sobre os exames pré-operatórios e o custo solidário da cirurgia, basta entrar em contato pelos e-mails agapagaspar@gmail.com ou contato@hachiong.org.br.

 

Mais informações: Secretário de Agricultura e Aquicultura, André Waltrick – 3332.2990

 

Projeto APROVADO PELO CRMV

Essencial para controlar a população de cães e gatos na cidade e evitar ninhadas indesejadas, que são motivo de abandono de filhotes. A castração traz muitos benefícios para a saúde dos animais. Indique para os vizinhos e aos amigos, porque a divulgação cabe a todos que amam os animais. A cirurgia é feita em um único dia, é um procedimento simples. Basta seguir as orientações, dadas pelo veterinário, para procedimentos pós cirúrgicos.

Castrar, e não deixar procriar, é um ato de amor.

 

 Fan Page Hachi Ong – Proteção Animal

Eventos

Site Prefeitura de Gaspar

Animais castrados não ficam gordos e preguiçosos

 

Muitos tutores de cães e gatos no Brasil têm receio de esterilizar, ou seja, castrar seus animais, dada a crença e boatos de que animais castrados ficam gordos e preguiçosos.

Já passou da hora de desfazermos esse mito. A verdade é que animais ficam gordos simplesmente porque recebem alimentação em excesso de seus tutores, ou não têm oportunidades suficientes para exercitarem-se.

Cirurgias de castração podem sim mudar um pouco o metabolismo de alguns animais, mas ao se reduzir a quantidade de comida dada, eles voltam rapidamente ao seu peso ideal.

Ou seja: animais castrados que se tornam ‘gordos’ são assim devido ao cuidado impróprio de seus tutores, a falta de exercício e ao excesso de alimento, e não necessariamente à cirurgia de esterilização.

Vale a pena ressaltar, que o fato de termos que controlar melhor a alimentação dos animais castrados é bastante irrelevante perto dos benefícios de saúde e bem-estar que a esterilização traz.

É cientificamente comprovado que animais castrados vivem mais por tornarem-se menos propensos à fugas, brigas e atropelamentos. Além disso, eles também têm menos chances de desenvolver alguns tipos de câncer – como o de mama, útero, ovário e testículo. Saiba mais sobre os benefícios de saúde da castração aqui.

Quanto à crença de que os animais tornam-se preguiçosos, a verdade é que animais dependem de seus donos para brincarem ou se exercitarem. Se um tutor não oferece tais oportunidades, eles podem ficar entediados e sedentários, e isso sim levará a um ganho de peso não saudável.

Por exemplo, vários dos animais que participam de competições de agilidade são castrados. Ou seja, esses animais não têm nada de gordos ou preguiçosos porque são estimulados.

Além de ter um papel essencial na manutenção de um peso saudável, dar a possibilidade constante para seu pet brincar e interagir com pessoas e outros animais é essencial para a saúde mental dos bichinhos. Clique aqui para saber mais.

É cientificamente comprovado que animais castrados vivem mais por tornarem-se menos propensos à fugas, brigas e atropelamentos. Além disso, eles também têm menos chances de desenvolver alguns tipos de câncer – como o de mama, útero, ovário e testículo. Saiba mais sobre os benefícios de saúde da castração aqui.

Quanto à crença de que os animais tornam-se preguiçosos, a verdade é que animais dependem de seus donos para brincarem ou se exercitarem. Se um tutor não oferece tais oportunidades, eles podem ficar entediados e sedentários, e isso sim levará a um ganho de peso não saudável.

Por exemplo, vários dos animais que participam de competições de agilidade são castrados. Ou seja, esses animais não têm nada de gordos ou preguiçosos porque são estimulados.

Além de ter um papel essencial na manutenção de um peso saudável, dar a possibilidade constante para seu pet brincar e interagir com pessoas e outros animais é essencial para a saúde mental dos bichinhos. Clique aqui para saber mais.

Castrar, e não deixar procriar, é um ato de amor

A grande maioria dos cerca de 30 milhões de cães e gatos que vivem nas ruas do Brasil já teve um lar. Nas ruas, eles são expostos a doenças, desnutrição, maus-tratos, acidentes e brigas. Ou seja: sofrem diariamente.

 Ademais, essa situação permite que os animais se reproduzam indiscriminadamente e aumenta ainda mais o número de animais nas ruas.

 As estimativas são alarmantes: apenas uma cadela não castrada e seus filhotes podem gerar cerca de 67 mil outros animais em um período de 6 anos. Em 7 anos, uma gata não castrada e seus filhotes podem gerar cerca de 370 mil filhotes.

 Castrar seu animal é a única forma de garantir que ele não vai fugir e procriar, ou que os filhotes dele não serão doados a pessoas que podem abandoná-los ou reproduzi-los de forma irresponsável.

 Resumindo: castrar é um ato de responsabilidade e amor, tanto para seu animal, quanto para os milhões de animais que são vítimas de abandono e abuso no Brasil. Por isso, não deixe de compartilhar esse artigo com seus contatos por email e o postando nas redes sociais.

 Juntos podemos quebrar os mitos negativos frequentemente associados à castração no Brasil e assim mudar a triste realidade dos animais que sofrem imensamente nas ruas do nosso país. Vamos criar um grande coro, que não se cansa de repetir: Castrar é um ato de amor!

 

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*