Home > Castração Solidária > Castração Solidária

Castração Solidária

castracaodiascertos

Cirurgias de castração não são perigosas

Alguns relatos de animais que morreram durante ou após cirurgias de castração levam muitos a pensar que esse procedimento seja perigoso. Também é comum escutarmos que animais não são castrados porque seus tutores têm pena deles, pois imaginam que a recuperação seja dolorosa, longa e demande muitos cuidados especiais. Mas a boa notícia é que esses pensamentos são mitos e não correspondem à realidade.

Cirurgias de castração – tanto de gatos quanto de cães, fêmeas e machos – são simples, têm baixos índices de complicações ou óbitos e não causam grande desconforto ou dor nos animais nas horas e dias seguintes, pois incluem protocolos de analgesia. O essencial, como em todos os outros casos em que cuidados veterinários são necessários, é que você se informe e identifique profissionais qualificados e com experiência em cirurgias de castração. Esses profissionais podem ser encontrados em clínicas privadas, entidades de proteção animal e, em alguns casos, serviços gratuitos de universidades ou prefeituras.

Entenda abaixo como os procedimentos são feitos e quais são os cuidados devidos para a recuperação.

Como a cirurgia é feita

Todas as cirurgias de castração são feitas com anestesia geral, ou seja: o animal não sente dor nenhuma durante o procedimento. A anestesia pode ser inalatória ou injetável.

Tanto para cães quanto para gatos, a cirurgia é simples e dura em média meia hora. Internações não são necessárias e o animal retorna para casa algumas horas depois da cirurgia.

Em fêmeas, o útero, os ovários e as tubas uterinas são removidos. Em machos, os testículos são removidos. Tanto para cães quanto para gatos, esses procedimentos trazem ganhos significativos de saúde, como chance reduzida de ocorrência de alguns tipos de câncer. Você pode ler mais sobre esses ganhos aqui.

Diferentes técnicas de castração estão disponíveis hoje em dia e cada vez mais veterinários estão realizando cirurgias de castração com técnicas minimamente invasivas, o que traz mais segurança e menos desconforto.

Como é a recuperação

Quando o efeito da anestesia acaba, ainda no dia da cirurgia, os animais já estão prontos para voltar para casa. Alguns sentem um leve desconforto e por isso ficam mais quietos do que o normal alguns dias após a cirurgia. Durante esse período, é recomendável deixar o animal em um lugar tranquilo e seguro, sem a presença de outros animais.

Os pontos são removidos cerca de 7 a 10 dias depois.  O principal cuidado no pós-operatório é evitar que o animal remova os pontos, pois podem incomodar na cicatrização.  Isso pode ser feito com muita facilidade por meio do uso de colar elizabetano ou roupinhas especiais.

Por que a castração deve ser feita

Como já mencionado, a castração pode trazer ganhos muito significativos para a saúde e bem-estar dos animais, que você pode conferir aqui.

Além disso, ao deixar de castrar seu animal, você poderá estar contribuindo para a triste realidade de milhões de animais que são abandonados nas ruas de todo o Brasil. Castrar seu animal é a única forma de garantir que ele não irá fugir e procriar, ou que os filhotes dele não serão doados a pessoas que podem abandoná-los ou reproduzi-los de forma irresponsável.

A grande maioria dos cerca de 30 milhões de cães e gatos que vivem nas ruas do Brasil já teve um lar. Nas ruas, ficam são expostos a doenças, desnutrição, maus-tratos, acidentes e brigas. Ou seja: sofrem diariamente. Ademais, essa situação permite que os animais se reproduzam indiscriminadamente e aumenta ainda mais o número de animais nas ruas.

Resumindo: castrar é um ato de responsabilidade e amor, tanto para seu animal, quanto para os milhões de animais que são vítimas de abandono e abuso no Brasil. Por isso, não deixe de compartilhar esse artigo com seus contatos por email e o postando nas redes sociais.

Juntos nós podemos quebrar os mitos ruins frequentemente associados à castração no Brasil. Vamos criar um grande coro, que não se cansa de repetir: Castrar é um ato de amor!

Saiba mais sobre os mitos e verdades da castração

 Fonte: Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal

Ação Social Campanha

Fan Page Hachi Ong – Proteção Animal

Pepa Castrada na Castração Solidária

IMG_3622

Ação social nas Escolas – Conscientização

escola1

Campanha de Vacinas nos bairros

2

1

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*